dedicação pela vida

Voluntária mais antiga da Abrace dá exemplo de como se faz solidariedade

 Com aproximadamente 40 anos de voluntariado, Dona Odete, a mais antiga voluntária da Abrace acumula histórias em benefício do próximo.

Os passos são devagar, mas firmes e decididos de uma pessoa que tem 81 anos de idade e muita história para contar. A biografia é recheada de sabedoria e amor ao próximo. Maria Odete de Souza, dona Odete como gosta de ser chamada, caminha pelo Hospital da Criança de Brasília José Alencar, (HCB), com tanta alegria que mais parece estar andando em um shopping. E gosta de dizer que lá, ela se sente assim, porque não vê tanta tristeza como geralmente há em outros hospitais do DF.

Conhecida por quase todos os funcionários do HCB, passa pelos corredores relembrando uma história que viveu, um abraço dado ou uma ação realizada. São anos de trabalhos dedicados ao voluntariado. Isso, não só no HCB, mas em uma coleção de locais por onde anda, como; Hospital de Base, Hospital de Apoio, faculdades e igrejas. Gosta de dizer que vai aonde Deus manda. “Deus disse: Amai uns aos outros. Eu não quero saber, eu quero é ajudar. ” Reforça.

Por gostar tanto de servir ao próximo, desde menina sonhava em ser enfermeira, mas o sonho foi barrado por seus pais que a colocaram na escola normal (onde formavam professores de primeira à quarta série do antigo ensino primário). Porém, ela só se imaginava em algum hospital levando uma mensagem de amor, mas mesmo assim se formou como professora. Depois de casada, resolveu realizar o sonho de infância, entretanto não como enfermeira e sim dedicando o seu melhor, sua criatividade e afeto. Se há um DNA de voluntariado, ele se encontra em dona Odete, a mais antiga voluntaria da Abrace. Ela adora fazer trabalhos manuais, recicla materiais plásticos, garrafas pets e diversos outros objetos que podem ser reaproveitados e brinquedos são desenvolvidos e levados para o HCB com o objetivo de distrair as crianças antes das consultas.

Possui uma rede social que causaria inveja em muitos yotubers por aí, mas não é uma rede qualquer, é uma rede de solidariedade. Conhece gente, gente que ajuda gente. E assim, vai aliançando pessoas para trabalhos em prol de amparar outras pessoas.

Apesar de acudir tanta gente, muitos podem até pensar que ela se cansa, mas estão muito enganados. Está sempre com ideias novas e formas de continuar aumentando sua rede de solidariedade. Já virou noites criando projetos e trabalhos com as mãos. Basta uma conversa que o sorriso largo aparece e o pensamento no ar já é sinal de que lá vem ela com novas ideias.

 

Viúva, têm dois filhos e conta que não depende deles para ir a qualquer lugar. Pega um táxi e sai acumulando histórias, amigos e o bem. Aliás, ela define sua rede de voluntários como acumuladores do bem. Enxerga a arte onde todos acham lixo e do resto de material surge a criação e muita doação. São cerca de 40 anos doando tempo, dedicação, amor ao voluntariado que ela pretende continuar até onde aguentar.

Desistir? Nunca! Porque o amor, caridade e solidariedade não podem parar. Sempre tem alguém a espera de uma ajuda, uma palavra amiga.

Texto e foto: Rosana Maria

 

by acls us
Abrace

Endereço:

QE 25, Área Especial I
CAVE. Guará II
Brasília - DF
CEP: 71025-015.
Abrace Saiba como chegar